Post Top Ad

29 junho

Promoção!

by , in
Oi, oi pessoas!
  Estou sumida, mas várias coisas novas estão sendo planejadas para o blog. Julho está chegando e junto dele as férias e o nosso aniversário \o/ 
  Isso mesmo! O Toca completa 2 anoooooos <3. Já faz bastante tempo né?  Nossa, as vezes eu fico pensando no que eu fazia antes haha. 
  Bom, mas hoje eu vim aqui divulgar uma promoção que eu, o Plinio e o Pedro fizemos juntos lá no intagram. 
  Aproveitando que o assunto é promo quero avisar que todos os livros de promoção aqui do blog, e lá da page que eu estava responsável foram enviados (aeeeeeeeeee \o/). 

  Boa sorte a todos e até o próximo post! 
11 junho

{Resenha} Melhor que Chocolate - Laura Florand

by , in
Oi, oi pessoas!
A Editora Unica me enviou um livro que carrega um nome muito gostoso! Vamos conhecer um pouco mais sobre essa história de amor em Paris?

Melhor que ChocolateEDITORA: Única
ANO: 2015
PÁGINAS: 288
Cade Corey é uma jovem executiva que cuida do negócio bilionário de chocolate da família, uma empresa popular nos Estados Unidos. Ela sonha em construir uma linha premium de seus produtos, e, como boa conhecedora do seu negócio, sabe que encontrará o chocolate perfeito em Paris. Na verdade, o chocolate perfeito está, mais especificamente, nas mãos igualmente perfeitas de Sylvain Marquis, o melhor chocolatier da cidade. O problema é que Sylvain se recusa a associar sua arte a uma grande empresa que só pensa em destruir sua técnica para reproduzi-la em grande escala. Isso para ele é um insulto, e não uma proposta! Contudo, embora o francês jure que está em paz para tocar a vida, aquela americana teimosa não lhe sai da cabeça. E Cade sente o mesmo: adoraria simplesmente fechar negócio com outro especialista parisiense, entretanto, não consegue esquecer os olhos cortantes de Sylvain e sua personalidade arrogante, porém tão viciante quanto seus doces. Paris está prestes a ficar pequena para o que existe entre eles. Pegue uma boa xícara de café e saboreie tudo aquilo que é melhor que chocolate. Você não vai se arrepender!
  Cade Corey é uma jovem e rica executiva que cuida do negócio bilionário da família, a Chocolate Corey. Uma marca muito famosa de chocolates nos Estados Unidos. 
  Ela tem o sonho de ampliar a empresa com uma linha premium, e, para isso, vai para Paris  atrás de Sylvan Marquis. Ele é um famoso chocolatier e já ganhou inúmeros prêmios e possui diversos clientes espalhados pelo mundo.
  Cade vai à Paris certa de que voltará com sua desejada linha, mas percebe que não será tão fácil como imaginada. Sylvan não aceita associar seus chocolates tão planejados e bem feitos com uma grande empresa repleta de máquinas. 
Mas estamos em Paris, e Paris é a cidade do que? Isso mesmo. Do amor.
  Lendo esse livro, eu me senti o Plâncton do Bob Esponja em busca da fórmula do hambúrguer de siri. Cade é uma mulher persistente e isso deixa o livro muito engraçado, porque ela é impulsiva e determinada e não desiste nunca do amargo Chocolatier. 
  A forma que a autora escreveu o livro na visão de Sylvan! Mas nada disso a impede de nos das abertura para conhecer os dois lados da história e assim compreender (ou não) os motivos e sentimentos de cada um. Ah! Terceira pessoa como eu amo seu jeito encantador. 
  Sylvan assim como Cade, possui uma personalidade muito forte e é extremamente sedutor. E é ele o responsável pelas cenas mais quentes e também é quem nos faz perceber que ali entre aquelas duas pessoas que vivem discutindo, existe uma química. 
"Ele não conseguia parar de pensar em como seria a sensação de derreter a língua dele. Ele. Não apenas o chocolate que ele fez para seduzi-la, mas ele próprio."
  A história tem seu desfecho antes do fim do livro (an?), então a autora utiliza as páginas restantes para incrementar a história e amadurecer os personagens e os relacionamentos deles. E o final é muito fofo. 
  Eu não esperava muito do livro quando fiz a solicitação para a Editora Única, mas confesso que ele foi além do romance tira ressaca que eu esperava. Não tão exagerado como o título, porque ele definitivamente não é melhor que chocolate haha, mas a história é incrivelmente fofa, açucarada e muito engraçada! 
Recomendo!

Capa, diagramação e tradução:
  A capa é muito bonita. Eu amei esse ar Parisiano que deram à ela. A diagramação é simples e bela, folhas amarelas com detalhes mínimos que deram todo o charme para a edição. Como sempre, eu não tenho nada para reclamar da tradução. Editora Unica capricha! 
"Se você quer seduzir uma mulher que, de outra maneira, não teria olhado duas vezes para você, chocolate bom é melhor do que uma poção do amor."
  
07 junho

{Top Filmes} Laranja Mecânica

by , in

Oi, oi pessoas! 
Hoje eu trago para vocês um post feito pela nova colunista do blog. Minha amiga Carolina que irá falar de filmes. Vamos lá?

Olá, pessoal! Eu sou a Carol e vou fazer o top filmes do blog \o/. Confesso que tenho um gosto bastante peculiar para filmes e vou adorar dividir com vocês. Pra estrear com o pé direito, decidi falar de um filme em especial e de longe o meu favorito.

Apresento a vocês Laranja Mecânica.

Relançamento
Lançamento
Dirigido por
Com
Gênero
Nacionalidade
SINOPSE: No futuro, o violento Alex (Malcolm McDowell), líder de uma gangue de delinquentes que matam, roubam e estupram, cai nas mãos da polícia. Preso, ele recebe a opção de participar em um programa que pode reduzir o seu tempo na cadeia. Alex vira cobaia de experimentos destinados a refrear os impulsos destrutivos do ser humano, mas acaba se tornando impotente para lidar com a violência que o cerca.

A virtude vem de nós mesmos. É uma escolha que só a nós pertence. Quando um homem perde a capacidade de escolher, deixa de ser homem.”

Esse filme merece um comentário, porque dentre todos, é o meu favorito! O universo que Stanley Kubrick cria é incrível, sem comparações! A psicologia envolvida, a moralidade, entre os outros temas abordados fazem com que você entenda todas aquelas aulas chatas de sociologia. Eu poderia ficar o dia inteiro comentando sobre o ele, mas deixarei que vocês tirem suas próprias conclusões e amem Alex tanto quanto eu amo, por isso serei breve. 
Como descrito na sinopse, nosso querido Alex é cobaia de um experimento chamado Tratamento Ludovico, uma terapia experimental que promete a reabilitação de criminosos em pouco tempo. Isso muda brutalmente sua forma de ver o mundo, de tratar as pessoas e o impede de fazer aquilo de mais gostava: Horrorshow total.
Falando em horrorshow, é importantíssimo que você preste atenção no vocabulário rico que Kubrick criou, chamado de nadsat, uma mistura de inglês e gírias russas. (os livros trazem um glossário anexado para o leitor não se perder)
Por promover violência explícita, Laranja Mecânica foi censurado em diversos países, inclusive no Brasil, o eu fez muitos amantes do gênero assistirem o filme nos países vizinhos.
Stanley ficou tão revoltado com as críticas no Reino Unido, que impediu a exibição de seu filme enquanto estivesse vivo, até 1999.
Um último ponto a ser ressaltado é a trilha sonora do filme: nada mais, nada menos que BEETHOVEN. As músicas aparecem nos atos violentos de Alex e seus drugs (gangue em nadsat), o que na época, deixou plateias boquiabertas.  


Então pessoas, assistam e me contem o que acharam desse clássico.

No próximo top filmes, falarei sobre 5 filmes para ver num dia chuvoso e aceito dicas! XOXO <3

Post Top Ad

Instagram