Post Top Ad

24 novembro

{Sessão Pipoca} A Esperança + Promoção!

by , in
Oi, oi gente! 
Hoje eu vim aqui para falar com vocês de um filme que eu esperei muito! 
Como vocês sabem eu sou Tributo e até fui em alguns encontros do Tributos BH, e no dia 19 nos reunimos mais uma vez para finalmente podermos conferir A Esperança parte 1. 
E uau! Esse filme está humilhante
http://www.liveforfilms.com/wp-content/uploads/2014/01/hunger_games_mockingjay__part_one-banner.jpg
 "Após ser resgatada do Massacre Quaternário pela resistência ao governo tirânico do presidente Snow (Donald Sutherland), Katniss Everdeen (Jennifer Lawrence) está abalada. Temerosa e sem confiança, ela agora vive no Distrito 13 ao lado da mãe (Paula Malcomson) e da irmã, Prim (Willow Shields). A presidente Alma Coin (Julianne Moore) e Plutarch Heavensbee (Philip Seymour Hoffman) querem que Katniss assuma o papel do tordo, o símbolo que a resistência precisa para mobilizar a população. Após uma certa relutância, Katniss aceita a proposta desde que a resistência se comprometa a resgatar Peeta Mellark (Josh Hutcherson) e os demais Vitoriosos, mantidos prisioneiros pela Capital."
   Jogos Vorazes é uma prova de livros que se deram muito bem nas telas do cinema. Baseados nas obras de Suzanne Collins, pudemos assistir até o momento três filmes fantásticos. 
   Em A Esperança - Parte 1, acompanhamos o início da revolução dos Distritos contra o governo opressor que controla tudo e todos. 
   O filme dá continuidade ao final de Em Chamas. Desta vez nossos personagens se encontram no Distrito 13 que se reergueu e agora quer fazer justiça com as próprias mãos.  
   Com personagens amadurecidos e determinados, temos 123 minutos de ação, emoção e muito sentimento.
http://s01.video.glbimg.com/x240/3773704.jpg
   O filme mesmo com algumas coisinhas está bem fiel à primeira parte do livro. Podemos acompanhar os personagens em todo o preparo para a grande revolução. 
   Temos bem pouquinho de Peeta, já que este foi raptado pela Capital e está preso junto de Johanna e Annie. Mas as poucas cenas que ele está presente podemos comprovar: Josh Hutcherson é um excelente ator! Sua cenas são de arrepiar.
   Enquanto tempos pouco de Peeta, tempos muito de Gale que se mostra uma das peças principais desse desfecho. 
   E Katniss que deve ir contra os seus princípios para salvar o homem que ama e ajudar a população que sofre sobre os poderes da Capital. 
   E outro personagem que eu quero falar aqui é o Plutarch que foi interpretado por Philip Seymour Hoffman que infelizmente faleceu em Fevereiro deste ano sem ter a oportunidade de ver o resultado de seu trabalho.
   O filme em geral é muito bom, a trilha sonora é incrível e por ser a primeira parte me surpreendeu bastante. Eu realmente achei que essa primeira parte ia ser fraquinha, que iria apenas introduzir, mas eu estava completamente enganada.

A Divulgação    

A Paris Filmes e os cinemas estão muito empenhados com a divulgação do filme. Assim com em Em Chamas, podemos observar em diversos lugares cartazes, posters, banners e promoções relacionadas ao filme. 

No cinema que eu fui, havia um poster gigante e um promoção de copos. Lembram do que eu comprei ano passado?  Agora ele tem um amiguinho!                                                                                           

Promoção

Você ainda não viu o filme e quer ver? Ou viu e gostou tanto que quer ver outra vez?! Que tal concorrer à alguns pares de ingressos, um livro surpresa e brindes exclusivos do filme?
Para concorrer basta: 

Curtir a página do Toca dos Livros (https://www.facebook.com/btocadoslivrosm)
Curtir a página da Paris Film
es (https://www.facebook.com/ParisFilmesBR?fref=ts)
Curtir a imagem do sorteio e marcar dois amigos.
E clicar em "Quero participar" 

O Sorteio termina no dia 6 de Dezembro. Boa sorte a todos!
23 novembro

{Resenha} Cidade da Meia Noite - J. Barton Mitchel

by , in
 Oi, oi pessoas!
Você gostam de ficção científica? Hoje a resenha é de um livro desse gênero.


Editora: Jangada

Páginas: 448

Ano: 2014
Nota: 4/5 
A Terra é conquistada por uma raça alienígena conhecida como os Confederados. A população adulta da Terra desaparece de vista, sucumbida pela Estática - um poderoso sinal telepático irradiado pelos alienígenas, que reduz as pessoas a um estado de total servidão. Mas existe um grupo imune aos seus efeitos: as crianças e os adolescentes. Enquanto isso, Holt Hawkins, um caçador de recompensas, tem como alvo Mira Toombs, uma astuta caçadora de tesouros com a cabeça a prêmio. Não demora muito para Holt capturar sua presa, mas a forte atração que surge entre os dois não é algo com que ele contasse. A queda de uma nave dos Confederados nas proximidades do lugar onde Holt e Mira estão acampados revela uma surpresa - a única sobrevivente é uma garotinha que não se lembra de mais nada a não ser do próprio nome: Zoey. Logo eles descobrem que todo o exército alienígena está à procura de Zoey. O que ela tem de tão especial? Será que os poderes dessa garota, por mais improvável que isso possa parecer, são a chave para deter os Confederados de uma vez por todas?
    Há oito anos, o planeta foi invadido por aliens e com uma super tecnologia hipnotizaram os adultos, deixando jovens com menos de vinte anos tendo que ser responsáveis pelo o que restou. Impossibilitados de combatê-los só resta aos sobreviventes uma opção: Se esconder.
   Holt Hawkins é um garoto Imune a Estática, e junto com seu cachorro parte em aventuras caçando recompensas. Em uma dessas missões, ele precisa capturar Mira Toombs, uma caçadora de objetos mágicos das Terras Estranhas mais conhecida como Bucaneira. Ela é muito inteligente e está valendo um grande prêmio. 
   Prender Mira não é tão fácil como Holt pensava e ele terá que passar por bastante coisa, mas o que ele não sabe é que uma pessoa pode mudar completamente o destino inicial. 
Piratas, dominós, traição, destruição, romance, comédia... Você está preparado para a Cidade da Meia Noite?
"Representantes do governo deixaram seus escritórios. Pais deixaram seus filhos chorando na cama. Como zumbis, a população adulta na Terra começou a marchar em massa para o Parlamento Confederado mais próximo [...]. Elas marcharam para lá, milhões de pessoas... e, uma por uma, desapareceram [...]. "
   Inicialmente quando peguei o livro imaginei que seria mais um romance, mas estava enganada. Cidade da Meia Noite tem muito a oferecer, inclusive uma imensa vontade de roer as unhas por causa do nervosismo.  
   Muitas pessoas quando pensam em ficção científica logo ficam receosas. Eu sou uma delas, porque encarar um livro do gênero é algo que não sou acostumada. Mas em momento algum tive dificuldade em fluir a leitura. A leitura flui de uma maneira simples. 
   Somos apresentados a Cidade da Meia Noite de forma calma e simples. Informações nas horas exatas sem ter muito do mesmo. E depois de alguns capítulos você já está completamente familiarizado com a história.

"A sobrevivência era um fator importante em cada decisão que Holt tomava. Era como ele vivia, e significava muitas coisas. Um delas era descobrir o que tinha valor. Se você tivesse coisas de valor, poderia sobreviver."
   Os personagens são muito cativantes! Bem desenvolvidos e cheios de personalidade própria você se vê rindo e chorando por cada acontecimento. Defeitos e qualidades apresentados com clareza. 
   O livro é narrado em terceira pessoa, então a proximidade com os outros personagens além do principal é grande. Tenho que ressaltar que os momentos com cenas de ação são muito eletrizantes! Você fica preso ao livro e só quando termina que a sua respiração se regulariza.   
  Cidade da Penumbra é um livro que merece ser lido. Recomendo para os que leem distopias com fluência e para os que desejam iniciar a leitura do gênero. 
   Vale a pena apostar nessa leitura!
21 novembro

{Resenha} O Doador de Memórias - Lois Lowry

by , in
Oi, oi pessoas!
Hoje eu vim com uma resenha de um livro que virou filme e ficou bem famoso! Vamos com O Doador de Memórias.

 
Editora: Arqueiro
Páginas: 192
Ano: 2009

Nota:3/5

Ganhadora de vários prêmios, Lois Lowry constrói um mundo aparentemente ideal onde não existe dor, desigualdade, guerra nem qualquer tipo de conflito. Por outro lado, também não existe amor, desejo ou alegria genuína. Os habitantes da pequena comunidade, satisfeitos com suas vidas ordenadas, pacatas e estáveis, conhecem apenas o agora - o passado e todas as lembranças do antigo mundo foram apagados de suas mentes. 
Uma única pessoa é encarregada de ser o guardião dessas memórias, com o objetivo de proteger o povo do sofrimento e, ao mesmo tempo, ter a sabedoria necessária para orientar os dirigentes da sociedade em momentos difíceis. Aos 12 anos, idade em que toda criança é designada à profissão que irá seguir, Jonas recebe a honra de se tornar o próximo guardião. Ele é avisado de que precisará passar por um treinamento difícil, que exigirá coragem, disciplina e muita força, mas não faz ideia de que seu mundo nunca mais será o mesmo. 
Orientado pelo velho Doador, Jonas descobre pouco a pouco o universo extraordinário que lhe fora roubado. Como uma névoa que vai se dissipando, a terrível realidade por trás daquela utopia começa a se revelar. 



   Jonas vive em uma sociedade perfeita. Com sentimentos mascarados, sem desigualdades, sem cores, sem problemas, não existe absolutamente nada. É tudo sempre certo como tem que ser.

   Ao completar 12 anos, todas as crianças da sociedade são enviadas para uma grande cerimônia e nela saberão que papel assumir quando adultos.
    Ele não conhece dor nem amor e não sabe se o que acredita ser felicidade é mesmo estar feliz. Isso acontece porque as pessoas decidiram evitar quaisquer conflitos e problemas que envolvam os conturbados sentimentos. 
   Quando é escolhido para ser o próximo "Recebedor de Memórias", descobre que terá que manter consigo todo o conhecimento do passado que as outras pessoas da sociedade não possuem.  
   E agora ele precisa decidir entre manter a integridade da sociedade e a busca por novas respostas.


"Não entendo o que é coragem: o que é, o que significa."
   Esse livro vem com o objetivo de abalar os leitores e nos fazer refletir sobre a vida. 
   No decorrer da história você para e pensa: “Será que um mundo assim é realmente ruim?”. Mas Jonas vai nos mostrando a resposta conforme suas lembranças vão chegando. Ele está disposto a viver.
  Os personagens são bem criados e estruturados e até os que aparecem com menos frequências são necessários no decorrer da história. 
  Jonas é cativante e emocionante. Em todas as vezes que se encontra com o Doador as cenas são arrepiantes. Incrivelmente bem descritas em poucas páginas. 
“As pessoas são fracas, as pessoas são egoístas. E elas sempre fazem as escolhas erradas.”
  O que realmente me incomodou é o fato que a autora nos joga nesse futuro sem a explicação do porque ele existe. O livro é cheio de lacunas e eu senti falta de algumas explicações. 
  O fato de ser o primeiro e de já possuir suas continuações me deixa mais calma e com esperança de que todas as dúvidas sejam explicadas como decorrer dos próximos livros. 
  O final é vago, não senti aquela imensa vontade de correr na livraria e adquirir sua continuação, mas pretendo conferir os próximos livros e ver se a minha visão sobre a série muda. 
  A história é muito emocionante e reflexiva e por isso a leitura vale a pena. 
  O Doador de Memórias é uma das primeiras distopias lançadas e serviu de inspiração para grandes obras distópicas. 
  Recomendo a leitura para quem deseja embarcar em mais uma distopia. 
   O Doador de Memórias virou filme esse ano. Até rolou uma promoção aqui no blog valendo alguns ingressos.
  Foi dirigido pelo renomado Phillip Noyce que já foi indicado a mais de 20 premiações de cinema! O elenco é composto por grandes atores e a trilha sonora é magnífica!
"Curioso é que esquecemos rápido nossas alegrias, embora sempre façamos com que o sofrimento dure mais do que o necessário"


Vale a pena conferir! 

Post Top Ad

Instagram