Post Top Ad

{Resenha #65} O Visconde Que Me Amava - Julia Quinn

Oi, oi pessoas!
Sei que ando ausente, mas gente! Estamos ainda no inicio e esse ano já está mais que complicado. 
Mas vamos lá, prometo tentar postar mais. 

O Visconde Que Me AmavaHoje eu venho com a resenha de O Visconde Que Me Amava.

 Editora Arqueiro
Número de páginas: 304
Ano de Lançamento: 2013
Nota:4/5
 Ao que tudo indica, o solteiro mais cobiçado do ano será Anthony Bridgerton, um visconde charmoso, elegante e muito rico que, contrariando as probabilidades, resolve dar um basta na rotina de libertino e arranjar uma noiva. Logo ele decide que Edwina Sheffield, a debutante mais linda da estação, é a candidata ideal. Mas, para levá-la ao altar, primeiro terá que convencer Kate, a irmã mais velha da jovem, de que merece se casar com ela. Não será uma tarefa fácil, porque Kate não acredita que ex-libertinos possam se transformar em bons maridos e não deixará Edwina cair nas garras dele. Enquanto faz de tudo para afastá-lo da irmã, Kate descobre que o visconde devasso é também um homem honesto e gentil. Ao mesmo tempo, Anthony começa a sonhar com ela, apesar de achá-la a criatura mais intrometida e irritante que já pisou nos salões de Londres. Aos poucos, os dois percebem que essa centelha de desejo pode ser mais do que uma simples atração.
 Anthony é o mais velho dos irmãos Bridgerton, e por esse motivo sempre enxergou sua relação com o pai como a mais importante e especial. E por esse motivo também foi o mais afetado ao saber de sua morte precoce aos 38 anos. 
Anos se passaram e Anthony amadureceu, e beirando seus 30 anos já é considerado o maior libertino da cidade, bem diferente do que seu pai foi. E ele sabe disso. 
E mesmo sendo considerado um grande libertino, todas as mães das solteiras da temporada estão de olho nele. 
Depois de anos adiando seu casamento, Anthony finalmente resolveu se casar e gerar herdeiros. E a sua escolhida foi  Edwina Sheffield. 
Edwina é uma jovem de 17 anos que está pela primeira vez se aventurando nos bailes, assim como sua irmã Kate que já está com seus 20 anos (quase 21 na verdade). 
Kate mesmo sem entender muito sobre o mundo em que elas estão se aventurando, tem certeza que o maior libertino de Londres não é apropriado para se marido de sua irmã. 
E como Edwina já deixou claro que não se casará sem o concedimento de sua irmã mais velha, Anthony terá que mostrar para Kate que é a pessoa certa para sua irmã.
Mas, e se... os sentimentos mudassem? 
Estaria Anthony escolhendo a irmã certa?
– As mulheres não deveriam ter bichinhos de estimação se não conseguem controlá-los.– E os homens não deveriam levar as mulheres com bichinhos de estimação para uma volta no parque se não podem controlar nenhum deles – retrucou ela. Anthony sentiu as pontas das orelhas esquentando com a raiva mal controlada.
O Visconde Que Me Amava é um delicioso misto de romance  e comédia!
Anthony mesmo sendo um libertino galanteador, é preocupado com a família (ele não muda aquele jeito que conhecemos em O Duque e Eu)
É legal ver que essas mocinhas dos livros de época estão capa vez mais ousadas e tomando conta de si próprias. 
Os dois tem traumas, os dois sofreram e mesmo assim se mostram fortes e capazes de enfrentar tudo.
E mesmo o livro tendo aquela pegada clichê é muito lindo ver o desenrolar do romance que faz parte dele. 
"- Ouça-me - sua voz ainda mais intensa - e escute bem, porque eu só vou dizer isto uma vez. Eu te desejo. Eu queimo por você. Eu não consigo dormir à noite por querer você. Mesmo quando eu não gosto de você, eu desejo você. É a coisa mais enlouquecedora, sedutora, coisa mais condenável. E se eu ouvir mais uma palavra do absurdo de seus lábios, eu vou ter que amarrá-lo à cama maldita e mostrar a você uma centena de maneiras diferentes, até que finalmente você coloque na sua cabeça boba que você é a mulher mais bela e desejável, na Inglaterra, e se alguém não vê, eles são tolos malditos "
 E pra quem amou Daphne e Simon de O Duque e Eu, podem comemorar porque os dois também aparecem aqui. Alegres, piadistas, confortáveis com a vida. 

A escrita desse livro é bem leve e divertida e você nem vê as páginas passarem.
Personagens cativantes e emocionantes, me deixaram definitivamente presa ao livro. 

Eu só senti que no final do livro a história correu um pouco, as coisas acontecem em um tempo, um tempo bom e estável e no final de repente muitas coisas acontecem juntas, e fica um pouco vago sabe?
Mas fora isso o livro é apaixonante e eu estou encantada por ele.

Já briguei muito com a Marcela por causa do Anthony porque ela não quer dividir ele comigo gente! 
Eu recomendo bastante o livro e a série, e eu já estou MUITO ansiosa pro próximo volume, Um Perfeito Cavalheiro que saiu esse mês pela Arqueiro.

9 comentários:

  1. Oi, tudo bom?
    Passando para deixar um comentário rsrs
    Nunca tive muita vontade de ler esses livros, pois não gosto do tema.
    Mais gostei da resenha ^^
    Beijos*-*
    Território das garotas
    http://territoriodascompradorasdelivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oiiiiiiiiiii Baaaaabs!
    Adorei a resenha. Principalmente o final... quando você disse "porque ela não quer dividir ele comigo". Isso mesmo Anthony e eu, apenas EUUUUUUUUUUU.
    Estou ansiosa para o próximo livro. Contando os segundos *---*

    Beijos,
    Marcela.
    ocantinholiterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Esse livro parece ser extremamente bom!
    Já estou ansiosa para lê-lo!
    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Muito bom esse post,esse livro me aparece ser muito interessante!
    beeijão do Di :*
    www.uphomedecor.com

    ResponderExcluir
  5. Ohh gente! :( Até você Babs lendo esse livro?!!! Preciso urgente comprar o meu e ler de uma vez por todas hahaha. To começando a sentir uma invejinha :P
    Amei a resenha flor!Parabéns!

    Beijocas da Deebs

    ResponderExcluir
  6. Tempos passados, comédia, e romantismo? A PREMISSA desse livro parece ser muito boa e cativante. E quando os personagens se mostram ousadas, dá um "up" no livro né? HAHAHAHAHA

    Italo, http://leitorespossessivos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Estou gostando bastante de todas as séries de romances de época da Arqueiro, mas confesso que esta é minha preferida, talvez por ser a mais doce e divertida, o jeito da autora de escrever é muito gostoso.
    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  8. Eu amei, esse livro, não vejo a hora do terceiro chegar aqui em Casa.
    Entre o Duque e eu e o Visconde que me amava, o Duque com seu jeito caladão ganha.
    Gostei muita da sua resenha, parabéns falou sobre o livro sem contar partes importantes

    http://loucaescrivaninha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Já passou da hora de eu ler essa série de livros, a cada resenha que leio só fico mais ansiosa. E sem falar que eu sou apaixonada por histórias de época. Ah, deve ser perfeita essa leitura *-*

    Beijos,
    biblioteca-de-resenhas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Post Top Ad

Instagram